Siga o JusTocantins

Foro de Palmas deve atender advocacia por telefone, determina juíza

OAB Tocantins - 17/07/2017
A juíza diretora do Foro de Palmas, Flávia Afini Bovo, atendeu solicitação da OAB-TO (Ordem dos Advogados do Brasil no Tocantins) e expediu ofício circular com orientação para que os escrivães de varas, sempre que possível, atendam advogados e advogadas por telefone, evitando o deslocamento dos profissionais até as Serventias Judiciais. O pedido da OAB-TO foi feito através da Ouvidoria Geral da instituição e a resposta da juíza tem data de 29 de maio deste ano.

Para o ouvidor-geral da OAB, Marcus Moreira, o atendimento da solicitação é extremamente positivo. Ele explica que o pedido foi uma sugestão colhida no projeto “Voz e Vez da Advocacia”. O projeto promoveu reuniões no interior e na Capital para ouvir as principais demandas dos advogados e das advogadas. No interior, o atendimento por telefone foi muito solicitado, pois facilita o trabalho e evita viagens longas e desnecessárias.

Moreira explica que antes da determinação da magistrada, alguns advogados estavam enfrentando dificuldades, com alguns funcionários que não queriam prestar atendimentos simples. “Não era algo geral, mas tínhamos o problema. Agradeço a juíza que entendeu a necessidade da nossa solicitação e atendeu o pleito da advocacia”, ressaltou Marcus Moreira, ao destacar que a magistrada Flávia sempre é aberta ao diálogo com a OAB e com a classe.

Para o ouvidor-geral, o atendimento por telefone também vai ao encontro do processo eletrônico, ajudando os profissionais e seus clientes a terem acesso à Justiça de forma mais célere.

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.

Receba as novidades do portal JusTocantins em sua caixa de entrada. Basta informar um e-mail válido no campo abaixo e cadastre-se:

Copyright © 2017 JusTocantins. Todos os direitos reservados.