Siga o JusTocantins

Palestras capacitam feirantes a empreender e oferecem orientação sobre Lei das Feiras

Secom Palmas - 16/04/2018

Termina no próximo dia 07 de maio o prazo para feirantes da Capital realizarem o recadastramento. O procedimento é previsto na Lei Municipal das Feiras e garante ao Município planejamento de políticas de fomento às feiras populares de Palmas e à cadeia produtiva. 

O prazo foi reforçado aos feirantes que participaram na noite do último sábado, 14, de palestras de capacitação e atualização. A atividade, realizada no auditório do Quartel do Comando Geral (QCG) da Polícia Militar (PM), foi organizada pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (Seder), por meio da Diretoria de Feiras e pela Faculdade Anhanguera, parceira na elaboração da programação. 

Na ocasião foram oferecidas palestras sobre “A Arte de Empreender” e “Endomarketing como ferramenta de Motivação Profissional”. Esses temas foram abordados pela professora universitária Amanda Costa e pela reitora Tiana Bandeira, ambas da Faculdade Anhanguera.

O engenheiro eletricista Aderval Pimenta Souza da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seisp) também ministrou palestras sobre uso adequado e racional da energia elétrica e estrutura elétrica das feiras.

 

Lei das Feiras

Outro tema abordado foi a Lei Municipal das Feiras (Lei n° 1852/2011). “A lei já existe desde 2011, mas vem sendo implementada cada vez mais nos últimos anos. Aproveitamos para explicá-la, ressaltando o prazo de recadastramento e que ela traz tanto benefícios quanto obrigações para os feirantes. Além da legislação, também frisamos a importância econômica e sociocultural das feiras para nossa economia local”, explicou a gerente municipais de Feiras, Naraeila Pardinho.

As três maiores feiras populares de Palmas (a Feira da 304 Sul, a Feira do Aureny I e da Arno 32)  movimentam cada uma cerca de R$ 1 milhão por mês, enquanto que nas demais feiras a movimentação financeira é estimada em R$ 800 mil ao mês. Segundo a Gerência Municipal de Feiras, a circulação média de clientes em cada dia de funcionamento nestas feiras chega a 16 mil pessoas.

Todos os 204 comerciantes que compareceram à programação receberão certificação pela participação no evento. O convite havia sido feito a todos os 1.300 feirantes que atuam nas feiras da Capital.

 

Recadastramento

Para se recadastrar, o feirante precisa comparecer em horário comercial até o dia 07 de maio na Diretoria de Feiras, instalada em anexo da Seder localizado na Feira da 304 Sul. Para isso, é preciso apresentar cópias da Carteira de Identidade, CPF, título de eleitor, duas fotos 3x4, comprovante de endereço e cópia de certidão de casamento ou nascimento. Para quem trabalha no ramo de alimentação, é necessária a apresentação do certificado do Curso de Capacitação na área.

 

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.

Receba as novidades do portal JusTocantins em sua caixa de entrada. Basta informar um e-mail válido no campo abaixo e cadastre-se:

Copyright © 2018 JusTocantins. Todos os direitos reservados.