Siga o JusTocantins

Boas práticas de gestão. Visita técnica

Rogério Lopes* - 10/04/2018

Em março deste ano, vivenciei a oportunidade de compor uma equipe técnica numa visita com finalidade especifica de conhecer as boas práticas em gestão de um determinado programa de apoio à gestão de talentos, intitulado como “programa de preparação para aposentadoria”.

Sem pormenores da visita ocorrida, sintetizo que aquela equipe visitante pode verificar in loco, uma atividade correlacionada, o que trouxe novos cenários e valores de atuação de uma mesma atividade comercial.   Naquele caso gerir pessoas em prol a seu processo de aposentadoria.

Além do supracitado, conhecer as boas práticas de gestão de outra organização promove ações de apoio, correções e fomento visionário de processos já existente. A reflexão é sempre melhorar as ações comerciais. Na realidade vivenciamos outra vivencia de uma mesma atividade preexistente.

Pensando em arranjo local, faço uma pergunta. Será que visitar uma empresa concorrente ou não, pode nos auxiliar na tomada de decisão, no sentido de melhorias, correções e adaptações?

Acredito que sim.

Captar boas práticas de gestão, produção e comercialização é responsabilidade de todos nas organizações.

Quando você é bem atendido, tem um resultado positivo num empreendimento pessoal ou não, você pode por meio da pesquisa de visitação, aplicar em seu ambiente laboral.

Produtividade, proatividade, lucratividade e gestão, são ações de interesses comuns inter-relacionadas, que devem ser verificadas em outras empresas, sob pena de quem não o fizer, perder de mercado e nicho de negócios, por inércia organizacional.

Lembro, de um depoimento de um empresário, que mudou todo seu processo de atuação comercial, apenas por assistir uma matéria na TV, que tal.

Veja como o mercado depende de olhares de gestores atentos.

Os administradores de empresas, chamam de *Benchmarking, a verificação das boas práticas de outra organização. Chamo de necessidade organizacional.

As visitas podem ser operacionalizadas na cidade de operação de sua empresa, os custos diretos são baixos e a possibilidade de agregar valor ao seu produto geral (sua empresa), é real.

Missão, ética, tecnologia, maquinário/equipamentos, liderança, atendimento, logística, cenários futuros, ações, gestão, podem ser perfeitamente vivenciadas e captadas em visitas técnicas.

Calma, é apenas um artigo.

Proporcionar visitas técnicas são ações de planejamento organizacional, pois o que você almeja, deve ser bem verificado antes da visita em si. Sugiro a criação de um checklist de intenções, que podem ser evidenciadas por meio de carta de visita, protocolizadas pelo menos 30 dias antes da visita à empresa de seu interesse. Lembre receber uma visita é orgulho para todos, faça a proposta de visita, você vai ser bem recebido.

Deus abençoe a todos.

Benchmarking consiste no processo de busca das melhores práticas numa determinada indústria e que conduzem ao desempenho superior.Wikipédia

  Rogério Lopes, é crente em Jesus Cristo, Facilitador em Finanças da Família, Administrador de Empresas, Especialista no Agronegócios,  Corretor de Imóveis,  Perito Avaliador Imobiliário e Colunista do site JUSTOCANTINS.  siteimoveis@hotmail.com

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.

Receba as novidades do portal JusTocantins em sua caixa de entrada. Basta informar um e-mail válido no campo abaixo e cadastre-se:

Copyright © 2018 JusTocantins. Todos os direitos reservados.