Zé Roberto defende plebiscito e constituinte para reforma política

A realização de um plebiscito e de uma assembleia constituinte para promover a reforma política no Brasil foi o tema abordado pelo deputado Zé Roberto (PT) na sessão ordinária desta quinta-feira, dia 13. Para o parlamentar, o sistema eleitoral do país é confiável quanto à votação e à apuração de sufrágio, mas o modelo político eleitoral apresenta vícios em vários aspectos.

“Nesse novo modelo não deve haver financiamento privado de campanhas, nem o tempo de mídia de uma sigla poderá servir de barganha para aumentar o tamanho da propaganda de outros partidos”, disse. Zé Roberto espera também que a realização de coligações proporcionais seja proibida, com vistas a melhorar a representatividade popular nas casas legislativas.

“O Partido dos Trabalhadores, com o apoio dos movimentos sociais, pede a realização de um plebiscito e de uma assembleia constituinte exclusiva que debata a reforma na sociedade e construa um novo modelo do sistema político brasileiro”, afirmou o deputado.

Quem rebateu o petista foi o deputado Sargento Aragão (PROS), ao garantir que os atuais congressistas têm legitimidade para realizar a proposta de reforma. Ao invés do plebiscito, propõe que o projeto seja referendado pela população. Aragão ainda questionou a lisura das urnas eleitorais, defendendo a realização da uma auditoria na votação do segundo turno das eleições presidenciais deste ano, proposta pelo PSDB. (Elpídio Lopes)

Elpídio Lopes/AL (Foto: Koro Rocha) - 17/11/2014

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.