Siga o JusTocantins

Quatro pilares do crescimento

Gustavo Rocha* - 05/12/2018

Que tal aprender com quem não apenas dá discurso, mas tem como provar o crescimento? 16 vezes o tamanho original tá bom?

Este foi o tamanho que os ex sócios da XP Investimentos cresceram em diversas empresas e baseados em 4 pilares: meritocracia, parcerias, participação nos resultados e alinhamento de objetivos.

Vejamos um trecho da reportagem e alguns comentários meus após.

Ex-sócios da XP Investimentos revelam como cresceram 16 vezes em apenas 3 anos

Depois de trabalhar por quase 10 anos na XP Investimentos, Pedro Englert resolveu tirar um ano sabático. Ao fim de 2015, desligou-se da empresa em que foi sócio, e foi viajar o mundo. A primeira parada foi no Vale do Silício, na Califórnia. Embora a ideia fosse descansar, Pedro não conseguiu ignorar o choque que teve ao se deparar com o que para ele era um mundo absolutamente novo. “Vi de perto uma nova maneira de fazer negócios. Muito mais ágil, transparente, e com um novo propósito”, diz. Foi aí que ele decidiu encurtar o período de descanso e voltou a colocar a mão na massa.

De volta ao Brasil, assumiu a frente de um projeto que hoje ele comanda, como CEO, ao lado de Eduardo Glitz e outros sócios: a StartSe. A empresa é uma plataforma digital criada para conectar todo o ecossistema brasileiro de inovação. Em pouco mais de três anos de operação a StartSe atingiu este ano 40 milhões de reais de receita – sendo que a empresa fechou 2016 com faturamento de R$ 2,5 milhões. Mas a história não para por aí. Pedro e Eduardo investiram na criação de outras seis empresas de diferentes setores: Warren (investimentos), Monkey (crédito), Beetech (câmbio), Fitbank (pagamentos), Projet ID (internet das coisas) e Yuool (calçados).

Em todas elas, os resultados são expressivos. A loja de calçados Yuool, por exemplo, surgiu em dezembro de 2017 e, em outubro de 2018, alcançou a marca de 2 200 calçados vendidos, muito acima da meta inicial, de 1 200 pares comercializados em todo o ano. Outro caso é a plataforma de investimentos Warren, que conquistou 60 000 clientes. A Beetech, em pouco tempo de operação, acaba de se tornar a primeira fintech brasileira a utilizar a tecnologia blockchain para fazer remessas internacionais.

(…)

A nova técnica de gestão se apoia em quatro pilares: meritocracia, parcerias, participação nos resultados e alinhamento de objetivos. Para erguê-los, é importante formar times parceiros, com colaboradores inteiramente comprometidos, e assumir riscos. “Hoje, o risco faz parte do processo de inovação, é uma etapa de crescimento e deve ser visto como uma porta para o sucesso, e não como a saída para o fracasso”, diz Pedro. “O modelo vigente de gestão está esgotado. As empresas estão lentas, inibindo a inovação e a experimentação.”

Motor de Crescimento é fundamental justamente por abordar, de forma prática, temas que ainda não chegaram aos livros de administração. “O modelo tradicional é muito parecido com um barco a vela: uma organização que depende de variáveis externas para dar certo, incluindo a economia, a política e a concorrência. Quando aplicamos novas técnicas, é como se colocássemos um motor no barco. Assim, podemos determinar nossa velocidade e o nosso rumo”, diz Pedro em uma das vídeoaulas.

Fonte: https://canaltech.com.br/empreendedorismo/ex-socios-da-xp-investimentos-revelam-como-cresceram-16-vezes-em-apenas-3-anos-127129/

E na advocacia, como funcionam os 4 pilares: meritocracia, parcerias, participação nos resultados e alinhamento de objetivos?

Meritocracia

Este ponto deve ser observado tanto individual como coletivamente. Os indicadores devem ser claros e divulgados a equipe. Acompanhar o crescimento dos indicadores é essencial para estimular e fazer acontecer.

Parcerias

Advogado não trabalha mais sozinho! Podemos e devemos incrementar parcerias por área, por tipos de negócio, visando o crescimento de ambas as partes.

Participação nos resultados

Não basta apenas um salário. Precisamos mostrar a equipe que ao crescer o negócio, eles crescem junto!

Alinhamento de objetivos

Saber para onde se vai é essencial. Como alguém que trabalha para você pode ajudar a crescer o negócio se não sabe aonde você está indo?

Enfim, o que hoje você aplica destas regras no seu escritório?

Nenhuma? As 4? 3? 2? uma?

Quanto mais aprendermos com os acertos dos outros, mais podemos nos desenvolver sem errar naquilo que eles já erraram.

#PenseNisto

 

#FraternoAbraço

Gustavo Rocha

Consultoria GustavoRocha.com  | Gestão, Tecnologia e Marketing Estratégicos

Robôs  | Inteligência Artificial  |  Jurimetria

(51) 98163.3333  | gustavo@gustavorocha.com  | www.gustavorocha.com

COMENTÁRIOS

 Nome:
 E-mail:
 Texto:
Comentários (0)
  • Nenhum comentário publicado.

Receba as novidades do portal JusTocantins em sua caixa de entrada. Basta informar um e-mail válido no campo abaixo e cadastre-se:

Copyright © 2018 JusTocantins. Todos os direitos reservados.